Australopithecus sediba

_images/20180625_04.jpg

Sobre o fóssil

Australopithecus sediba é uma espécie de hominídeo cujos restos conhecidos têm cerca de 1,977 milhão de anos de idade, com margem de erro de dois mil anos. A descrição da espécie foi baseada em dois esqueletos parciais encontrados em Malapa, na África do Sul; o holótipo consiste num macho jovem com cerca de 13 anos de idade, cujo espécime foi dado o nome de (MH-1), e o parátipo de uma fêmea adulta com aproximadamente 30 anos batizada de (MH-2). Os primeiros vestígios ósseos de Australopithecus sediba apareceram em 2008, quando o filho do pesquisador Lee Berger encontrou uma clavícula. Posteriormente, Berger fez pós-doutorado para melhorar seus conhecimentos sobre clavículas e percebeu que se tratava de uma descoberta de importância para a paleoantropologia.

Fonte: Wikipédia